Goles Novo Mundo

BellaQuinta Vinhos Finos: Vinícola paulista é a primeira a produzir vinhos naturais


Postada em 23/09/2019 às 17:57
Por Glaucia Balbachan

vinho natural

Habemus vinho paulista e natural!


A cidade de São Paulo sempre nos surpreende. Quanto menos se espera te apresentam bons alimentos para o corpo e alma. Por séculos, o vinho foi e continua sendo alimento nas refeições de muitos países da Europa. Na América do Sul, há pelo menos 500 anos que a produção e consumo de vinho é cultuado como pratica alimentar no Chile, Argentina e Uruguai.


Nós brasileiros temos 100 anos de história no cultivo do vinho em especial na região do sul do país, porem aos poucos produtores de vinho começaram a se ariscar e os resultados vem sendo revelados como uma grata surpresa.



E a boa nova está a pouco mais de 100 km de SP – na cidade de São Roque. Cidade agradável e turística é conhecida pela produção de vinhos suave de mesa e pela gastronomia local. Mas o casal produtor Gustavo de Camargo Borges e Bruna Reviglio de Goes começaram a vinificar suas uvas de forma natural sem intervenções e o resultado na taça foi tão impactante, que os vinhos naturais da vinícola BellaQuinta Vinhos Finos foi parar em restaurantes como: DOM, Dalva e Dito, Pimenta Romã, Clandestino da chef Bel Coelho e no novo Cepa na zona leste.



A propriedade da família existe há 40 anos e os vinhos da marca Bellaquinta, está há uma década no mercado. Os avós de Bruna e Gustavo eram vinhateiros e isso só potencializou o casal a levar a produção de vinho à diante. Mas a “cereja do bolo” foi a maneira cuidadosa de vinificar seus vinhos. Costuma-se dizer que a sorte está ao lado de quem se arisca, e foi exatamente o que Gustavo decidiu fazer – produzir vinhos naturais respeitando a natureza.


“Trabalhar com produção pequena e de forma artesanal faz os olhos dos apreciadores de vinho brilhar. Nosso objetivo é melhorar a cada safra”, conta Gustavo.



 Desde 2005, a vinícola paulista produz vinhos finos de uvas vitis viniferas e os negócios começaram a acontecer gradativamente. A loja confortável dentro da vinícola e as visitas guiadas na cave começaram a ganhar mais visitantes. Para visitas guiadas e degustações é conveniente reservar com antecedência. As castas usadas para a produção da vinícola são: Chardonnay, Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc, Merlot, Tannat e moscatel. E as novidades não param, há planejamentos para a vinificação de espumantes sem dégorgement.


Vinho sonoro


Gustavo sempre achou que vinho e arte tinham ligação. Um de seus rótulos já teve a gravura do artista Darci Penteado. Na cave, o produtor começou a pesquisar sobre tons vibracionais onde a musica agregava qualidade ao vinho. Então, Borges entrou em contato com o músico e compositor norte americano Eric Silver e ele fez uma musica para seus vinhos, que toca na cave duas vezes por dia.


O vinho Song, como foi batizado recebeu outro artista, desta vez brasileiro e com nova música – o Guarabyra da dubla Sá e Guarabyra gostou da história e compôs outra canção para os vinhos, que em breve vão trocar também de nome de Song para Reserva Musical.



De uma forma geral, os vinhos da BellaQuinta são bem feitos, com aromas e paladar persistentes, fim longo e marcante, texturas no palato, equilíbrio entre taninos e acidez e a vontade de tomar mais uma taça. Os valores dos rótulos variam de R$40,00 até R$90,00. E a vista a vinícola é indispensável.


Em entrevista, questionamos Gustavo sobre o futuro dos vinhos naturais e sobre os novos desafios. “Na minha opinião, vai ter espaço para todos. Vinho suave de mesa, vinhos convencionais e naturais, mas ainda acho que os vinhos com menos intervenção, como os naturais vão ter vida longa e de sucesso daqui pra frente. Já os desafios são muitos, o trabalho duro e o desejo de trazer bons vinhos a cada safra é o nosso maior foco”, finaliza o produtor e dono da BellaQuinta.


Serviço: Vinícola BellaQuinta Vinhos Finos


Estrada do Vinho, 9611 – Canguera – São Roque/ São Paulo


Tel: (11)4711-1903


[email protected]


www.bellaquinta.com.br


Instagram: @bellaquintavinhosfinos


Fotos: Marcio Palermo - Instagram: @marciopalerno