Goles

Portugal: Vinhos do Douro e Porto a cada ano um passo a frente


Postada em 26/03/2017 às 22:42
Por Glaucia Balbachan



A cada ano que o IVDP – (Instituto dos Vinhos do Douro e do Porto), chega ao Brasil sempre acaba causando uma expectativa em relação às novidades, produtores e lançamentos de novos rótulos. Esse ano não foi diferente, em jantar, master class e feira repleta de expositores e consumidores, os vinhos do Douro e Porto ganharam ainda mais êxito e prestigio com a sua tradicional qualidade.



Com regras restritas de produção, o Porto é o patrimônio da Humanidade classificado pela Unesco. Se seus vinhos fortificados são caros? Sim, são bastante e sempre serão. E a pisa ainda é tradicionalmente o melhor jeito de elaborá-los.


No Douro a beleza é única e o solo rico é em xisto. Para o biodinamismo o Douro é um verdadeiro paraíso, onde o terreno é alto e vertical. São mais de 100 uvas cultivadas, que quando são feitos blends, seus vinhos ficam ainda mais completos.


O tasting lusitano passou pelo Rio de Janeiro no dia 7 de março, depois chegou a São Paulo no dia 9/03 e dia 6 de junho acontece em Belo Horizonte. Saiba como participar da edição mineira e se cadastrar pelo endereço: http://cadastro.portodourointernacionaltasting.com– serão mais de 250 rótulos para degustação.



Em jantar especial nos foi apresentados alguns rótulos sendo - 9 garrafas da região do Douro e três Porto de idades significativas. Começamos com o Branco da Quinta de La Rosa branco 2014 vinho delicioso que impressionou o início da noite. Frutas amarelas, boa acidez e notas defumadas. Na boca persistência e final longo e agradável.



O Poças reserva 2014 – Trouxe frescor, frutas vermelhas e notas de violeta nos aromas – na boca boa acidez, taninos macios e muito sabor. Uma boa surpresa. Já o Poeira é persistente em boca, com final longo e destaca frutas negras como amoras – uma delicia.



O Quinta Vale D.Maria safra 2014 traz alta intensidade aromática com muita fruta vermelha, especiarias e notas florais. Na boca é equilibrado, taninos macios, e final longo e persistente. Outra surpresa foi o Batuta – Bem bom – Amoras e cerejas nos aromas, persistência, corpo, estrutura, sabor agradável, e final longo – Tem que provar.



O Crochet Tinto, coincidência ou não, foi justamente na data do Dia das Mulheres, o vinho mais encantador da noite. Desenvolvido por duas enólogas – a espanhola Susana Esteban e a portuguesa Sandra Tavares.


O Jornalista Alexandre Lalas



Finalizando a noite chegaram os Porto com as seguintes idades: Vista Alegre 40 anos ( aveludado com amêndoas, acidez e doçura), Kopke Colheita 1978 ( com notas de casca de laranja e grape fruit nos aromas – na boca intenso e licoroso, de levantar as sobrancelhas) e o Krohn Porto Vintage 1965 ( Forte, alcoólico, com frutas cítricas, presente e intenso – uma bela experiência).


Vinhos degustados na Maste Class



No dia seguinte no Hotel Intercontinental, o jornalista e expert em vinhos portugueses, Alexandre Lalas deu um show de Master Class para jornalistas e enófilos. Foram 8 vinhos degustados ( felizmente todos se encontram no Brasil) entre bate-papo sobre o que acontece na produção nos terroirs de umas das mais belas paisagens portuguesas o Douro e o Porto. Pontos altos da Master class foi a ideia de trazer o Porto para durante o almoço ou jantar. É tirá-lo da sobremesa e apresenta-lo como drink com adição de gelo em dias mais frescos como um coquetel.



No final, a feira foi muito prestigiada pela imprensa e apreciadores de vinho português. As vinícolas presentes foram: Casa Álvares, Casa Ferreirinha, Sandeman, Churchill's Port,Crochet,Croft,Duorum,Fonseca,Graham's,H.O. Horta Osório Wines, Lavradores de Feitoria, Moinho do Côa,Poças Júnior,Poeira,Porto Ferreira,Quevedo,Quinta da Mieira,Quinta da Pacheca,Quinta da Veiga,Quinta das Apegadas,Quinta das Tecedeiras, Quinta de Curvos,Quinta de La Rosa,Quinta do Crasto,Quinta do Cume,Quinta do Noval,Quinta do Passadouro, Quinta do Pessegueiro, Quinta do Portal,Quinta Dona Leonor,Quinta dos Avidagos,Quinta dos Murças,Quinta Nova,Quinta Santa Eufémia,Ramos Pinto,Real Companhia Velha, Taylor's,Vallado,Vicente Faria Vinhos,Vista Alegre e wine & Soul.


Agora é esperar o dia 6 de junho em Belo Horizonte, que promete o mesmo sucesso.


 Serviço: IVPD wine Tasting 2017


http://cadastro.portodourointernationaltasting.com


www.ivpd.com.pt


Fotos: Divulgação