Cardapios

A leveza artística e sustentável do Restaurante Chef Vivi


Postada em 22/08/2019 às 17:44
Por Glaucia Balbachan

Marcio Palermo

Cozinha que abraça


Insumos orgânicos, sustentabilidade, leveza gastronômica e arte são palavras que traduzem a filosofia do restaurante Chef Vivi. Entrar para almoçar ou jantar na casa da chef Viviane Gonçalves, já se sente a atmosfera agradável logo na entrada.


Envolvida com a gastronomia há muitos anos e filha de uma cozinheira de mão cheia, Viviane ou melhor Chef Vivi cursou dois anos de arquitetura e graduou-se em História e Geografia. Nunca imaginou que um dia seria chef de cozinha, e sim se via entre pranchetas e projetos. Mas os planos mudaram para a nossa felicidade, e logo a trajetória da chef de voz doce se tornou grandiosa.


“A vida se recria constantemente, as mudanças vem e a gente abraça as oportunidades”, conta.


Nascida em São José dos Campos/SP, e apaixonada por alimentar e receber pessoas, em sua trajetória profissional, Vivi já está em sua 4ª casa. Antes disso, trabalhou por mais de uma década nas cozinhas da Europa passando pela Inglaterra e China, onde conquistou prêmios. Tempos depois voltou para o Brasil e continuou a fazer o que mais gosta – cozinhar.


A gastronomia local, orgânica e brasileira sempre foi seu alvo. E em 2011 nasce o restaurante Chef Vivi na Vila Madalena. Diminuto e aconchegante, a casa apresenta menu diferente todos os dias. Os pratos são equilibrados e delicados no sal. Há carnes, peixes e frutos do mar, mas os vegetais são os protagonistas da casa.


Destacamos o Milho quebrado orgânico com raízes ao forno ( foto abaixo), que seria apropriado chamá-lo de “Jardim comestível de contrastes e texturas”.
Do couvert ao café no final, a experiência gastronômica no Chef Vivi traz características muito nítidas da sensação reconfortante de que você, seu apetite e sua saúde não poderiam estar em melhores mãos.



Abaixo confira a conversa que tivemos com a Chef Vivi.


Site Empratado: De onde vem sua inspiração?


Chef Vivi: Vem de muita pesquisa, muita leitura e arte. A beleza, céu azul, caminhar pela cidade me inspira. Meu objetivo é instigar meus clientes a comer melhor. 60% do que se come faz as pessoas ficarem doentes. Hoje sinto que estão começando a ter consciência, mas ainda temos muito o que fazer. Gastando um pouquinho mais com alimentos de qualidade as pessoas gastam menos na farmácia. Alimentação é tudo, muda até o nosso humor!


Site Empratado: E as bebidas da casa acompanham a mesma filosofia?


Chef Vivi: Sim, já não temos mais refrigerantes há 8 anos na carta de bebidas. Os nossos vinhos são naturais. No inicio houve um pouco de resistência, mas agora as taças de vinhos são bastante solicitadas. O publico já está acostumado com o formato da casa. O objetivo é atingir o equilíbrio. Há um ano a nossa carta de vinhos naturais é elaborada pela sommelière e expert em vinhos naturais Analu Torres.


Site Empratado: O restaurante Chef Vivi é a sua 4ª casa, ela está atualmente no formato que você sempre imaginou?


Chef Vivi: O Chef Vivi tem 8 anos e está construção. Pelo menos é a sensação que eu tenho. Está sempre modificando ganhando novas formas, novos parceiros e principalmente novos pequenos produtores – eu nunca fecho as portas do meu restaurante para eles. Acabo de me mudar para uma casa para fazer uma horta no quinta. Quero produzir para o restaurante – em breve teremos hortaliças fresquinhas e orgânicas do meu quintal.


Site Empratado: Qual é o maior desafio na cozinha?


Chef Vivi: Ser fiel ao que eu acredito. Aprender e ensinar todo dia.


Site Empratado: Como eu reconheço um bom chef de cozinha?


Chef Vivi: Pela paixão. Sem “estrelismos” – já temos bastante. Ser um bom chef é ter postura, ser um bom ser humano. É o tipo de pessoa que traz leveza alimentando quem chega pra comer.


Site Empratado: Qual é o seu principal objetivo na cozinha do Chef Vivi?


Chef Vivi: Gostaria de melhorar sempre, reforçar a essência, estar em sintonia direta com produtores e manter o exercício da sintonia, porque o cliente precisa sentir tudo isso no prato e no ambiente. É importante sentir essa troca de energia.


 


Serviço: Restaurante Chef Vivi


Rua Girassol, 833 Vila Madalena/SP


Tel: (11) 3031-0079


www.chefvivi.com.br


Fotos: Marcio Palermo