Cardapios

Grazie Napoli e sua maestria com as pizzas do país da bota


Postada em 22/06/2016 às 12:43
Por Glaucia Balbachan


A arte de fazer pizza


Diz a lenda que a história da pizza começou três séculos antes de Cristo, quando os fenícios acrescentaram carne e cebola sobre o pão folha, logo os turcos adotaram a ideia no período da Idade Média, isso, até chegar em Nápoles na Itália, onde os napolitanos aperfeiçoaram a paixão gastronômica paulistana.



E essa paixão já era despertada pelos sócios Marcos e Fábio Fernandes na região do ABC em Santo André. Que do ramo da moda se bandearam para o mundo da gastronomia, colocando literalmente a mão na massa. O objetivo era produzir uma gastronomia autêntica, então pesquisaram, buscaram todo tipo de informação dentro de fora do país – inclusive indo à Itália para buscar conceito seguro da pizza napolitana.



Atualmente são cinco locais no Brasil onde se tem a certificação de pizza napolitana registrada. E a Grazie Napoli é uma delas. As normas são seguidas a risca para manter a qualidade e autenticidade da pizza. Um dos quesitos é a fermentação da massa que descansa de 8 à 11 horas. Os ingredientes são coloridos e em menor proporção, além da fina farinha vir importada da Itália.



Outro item importante é o trabalho da massa com as mãos sem a utilização de maquinários. A textura fica leve e elástica. Os tomates também vêm do país da bota, é o San Marzano; variedade que é esmagada para dar a consistência espessa ao molho com acidez equilibrada e leve adocicado.



Outra novidade é o forno produzido com cinzas do vulcão Vesúvio, vindas de Nápoles para cá. São 500 ºC de aquecimento, que assam a pizza em torno de um minuto – serviço é preciso.
Com três anos de vida no bairro badalado do jardim em Santo André, o desfecho certamente, é a qualidade absoluta no quesito pizza. Impressionou.



Chegando à Grazie Napoli, as pizzas são individuais com 27 cm de diâmetro. A casa é bonita, espaçosa e aconchegante. O menu é sortido e direto. Antes da escolha das redondas não deixe de provar o Arancini di Riso – o bolinho de risoto delicado é ótimo e a fritura é bem feita – (R$12,00 duas unidades). Ou para petiscar o Rosa é um bom começo para conhecer a textura das massas da casa - Essa entrada é uma pizza de parmesão com alecrim, cebola rosa e pistache – incrível! (R$28,00).



O vinho é um ponto alto também no local de pizza napolitana – Eles têm um malbec da casa que é um coringa para boa parte das pizzas. Mas voltando às napolitanas vá direto ao ponto – peça pela protagonista – a Margherita DOC com mussarela de búfala fresca, parmesão, molho de tomate e manjericão. É simples e impressionantemente boa, é aromática, colorida e com a massa leve. (R$37,00). Ou a pizza Attilio, que na apresentação vem em forma de estrela com as bordas recheadas de ricota – na medida certa! (R$41,00). Para fechar a feliz noite gastronômica o Angiolette di Nutella – que são palitos de pizza fritos cobertos com nutella – inesquecível e cheio de texturas. (R$21,00).




Serviço: Grazie Napoli
Rua das Aroeiras, 317 – Bairro Jardim – Santo André/SP
Tel: (11) 4432-2308 / 4509-3219 (delivery)
www.grazienapoli.com.br


Fotos: Divulgação