Goles Velho Mundo

Especial Vinhos: O Velho Mundo da Cantú


Postada em 18/07/2017 às 12:31
Por Glaucia Balbachan



Como num encontro secreto, a Importadora Cantú reuniu uma mesa seleta de produtores e enólogos para um tasting de almoço, com a imprensa e experts do mundo do vinho. As principais vinícolas do Novo e Velho Mundo estavam presentes com amostras para uma apresentação breve e descontraída.


Por sorte, nos sentamos entre dois notáveis produtores – Paolo Edoardo Giusti da vinícola italiana I Giusti & Zanza e Pedro Poças Pintão da vinícola portuguesa Poças Jr.


Especial por ser a primeira vinícola do portifolio da Cantú, os toscanos de Paolo Edoardo impressionaram pelo equilíbrio e elegância. Nos foi apresentado o Tinto Dulcamara 2007. É um blend de Merlot, Cabernet Sauvignon e Petit Verdot. E o segredo desse vinho? “O equilíbrio e muito cuidado, disse Paolo. O vinho é como um filho que você cria com amor, paciência e dedicação”.




Trata-se de super toscano elegante no nariz, com frutos negros maduros – como mirtilo e amoras, além das notas de florais de violeta e tostados. Na boca é vivo com estrutura, sabor, elegância, taninos macios com final longo e marcante.


Da Itália para Portugal, ainda na mesma mesa, a conversa com Pedro da Quinta Poças Jr. nos aproximou da tradição, experiência e de um vinho do Porto singular. Elaborando vinhos fortificados desde 1918, a história começou com uma dívida paga com uma vinícola e daí em diante, o trabalho começou.



Na ocasião, outra joia nos foi apresentada a mesa. Um Porto Tawnie de 25 anos em barrica,. Um veludo da safra 92 (Colheita 1992), com mel, cascas de laranja, nozes, frutas secas e acidez nos aromas. No paladar – tâmaras, cítricos, equilíbrio e vontade de tomar mais uma taça. Incrível.



Serviço: O Velho Mundo da Cantú
Importadora Cantu
Tel: (11) 2144-4455
www.cantuimportadora.com.br


www.pocas.pt


www.igiustiezanza.it


Fotos: Divulgação
Fotos: Site Empratado