Cardapios

O italiano Capisce? Serve gastronomia de raiz com pitadas contemporâneas à bom preço


Postada em 12/04/2013 às 22:15
Por Glaucia Balbachan



 Do Shopping para a rua!


 A Rua Biachi Bertoldi - conhecida por seus frequentadores como “rua dos restaurantes”, funciona como uma praça de alimentação a céu aberto com 10 restaurantes numa rua curta com movimento intenso no horário do almoço.

Variedade gastronômica concentrada em um único local é no mínimo, vantajosa para quem mora ou trabalha pela redondeza, mas cada vez mais é difícil de achar algo que saia da mesmisse existente no cenário gastronômico da cidade. Pois, o italiano Capisce? foge à regra propondo tradição italiana com inovação.

 










O apetitoso Gnocchi recheado do Capisce?

 

 A comida italiana tem como característica marcante a criatividade, o aroma inconfundível seguido do sabor artesanal e do aconchego típico de família italiana. Encontramos exatamente isso no Capisce?. Neto de imigrantes italiano, Alexandre Tuzzolo, não pôde presenciar muitos domingos com os avós, em mesa farta com massa feita por seu avô e molho feito por sua avó, porque tinha menos de quatro anos na ocasião, mas com passar do tempo seu pai depois de se aposentar, queria abrir algo que fosse de viés gastronômico, enquanto isso, Alexandre seguia a vida trabalhando como advogado.

 

Seu pai acabou comprando uma loja na área alimentícia no West Plaza Shopping com outro nome e conceito. Contudo, Alexandre começou a se envolver e acabou deixando a sua carreira jurídica para abraçar de vez a gastronomia. Depois que o Shopping perdeu força, Alexandre decidiu colocar seu trabalho fora da praça de alimentação - onde nascia o Capisce? em um sobrado despojado no bairro de Pinheiros.

Perto de completar 10 anos de existência, a casa inspirada no país da bota, teve mudanças importantes, entre elas a produção de massas e molhos em 2004, que antes era tudo comprado de fornecedores e hoje a casa produz em um espaço de 400 metros quadrados de forma artesanal massas com recheios porcionados para manter um padrão. “Embora, artesanal é padronizado e isso começou a chamar atenção de outras casas, público de eventos e até mesmo no restaurante. Optar por essa operação de fabricar nossos próprios produtos nos traz qualidade e segurança na venda”, abre o proprietário do Capisce?.

 












O Tortellone recheado da casa

 

Um exemplo do trabalho impecável da casa italiana é a maneira de preparar alguns dos recheios dos quase 60 tipos diferentes de massa, entre os oito tipos apetitosos de molhos como acompanhamento. O recheio do capeletti, por exemplo, é feito com uma combinação de carnes flambadas no vinho e conhaque, depois tudo fica na geladeira por mais um dia para absorver todos os temperos, logo em seguida é processado e colocado na massa.

Uma das propostas do Capisce? é o trabalho artesanal, desperdício zero  e atendimento rápido, que foi conservado na casa com os mesmos moldes da época do shopping;  se paga no caixa primeiro, pega-se o prato escolhido no balcão e o cliente vai direto para a mesa. “Trouxemos o knowhow do shopping. Você pede, paga e come muito bem. Não dá para deixar de lado o fator tempo, a ideia é oferecer um break gastronômico com muito sabor”, conta Tuzzolo.

Entre luminárias em forma de macarrão farfalle e quadros com os avós imigrantes de Alexandre pelas paredes, a casa é dividida em dois espaços distintos; sala no piso inferior e sala no piso superior que acomoda 80 clientes no total. O perfil de público é 100% executivo, devido à região comercial. Clientes normalmente chegam a pé - se você estiver de carro, há estacionamento próximo do restaurante.

 










O inusitado Raviollini Zucca

 

 No cardápio sortido, saladas, grelhados e panquecas dividem o espaço com as massas apetitosas guarnecidas com oito molhos, onde existe a opção de pedir uma massa com dois tipos de molho diferentes. Apenas algumas massas secas como: espaguetti, farfalle e fuzilli são da marca Barilla, o restante é produção da casa.

Começamos com o carro chefe da casa, o Gnocchi recheado com mussarela acompanhado de molho à bolonhesa - R$ 19,90. Leve e bem servido é uma opção saborosa guarnecida de molho equilibrado no tempero. Em seguida, nos chegou à mesa outro carro chefe - o Tortellone recheado com peperone e mussarela - massa de consistência macia e bem recheada fez par perfeito com o molho perfumado de calabresa, que potencializou sutilmente o sabor da pimenta R$ 19,90. E para finalizar, fechamos com o Raviolli Zucca - a massa verde contrasta bem com o molho branco de textura leve na apresentação. Colorido e aromático, por conta do recheio de abóbora, o ingrediente permeia bem o restante da composição do prato com ricota, requeijão e rúcula dentro da massa - fusão perfeita de sabores - R$ 19,90. Outra dica da casa é a supersaborosa berinjela à parmegiana, que já é bem conhecida entre os clientes.

 

Qualidade singular, pratos individuais bem executados,  sabor, bom custo benefício e atendimento afável. Voltaremos em breve!

 

Serviço: Capisce?

 

End: Rua Bianchi Bertoldi, 118 - Pinheiros/SP

 

Tel: (11) 3031-9054

 

www.capisce.com.br

 

Fotos: Márcio Palermo - www.marciopalermo.com.br

 

Estúdio Pavão - www.brunopavao.com.br

 

http://pavaophoto.wordpress.com